04/11/2019 às 23h42min - Atualizada em 04/11/2019 às 23h42min

No Roda Viva, Janaína Paschoal diz que Bolsonaro terá problemas com a reeleição

Dos cinco presidentes eleitos diretamente após o fim da ditadura militar, em 1985, Fernando Collor e Dilma Rousseff sofreram impeachment.

Em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura, exibida nesta segunda-feira (4), a deputada estadual Janaína Paschoal (PSL) criticou o autoritarismo da família Bolsonaro e alertou que é possível que o presidente não alcance a reeleição se continuar com uma postura autoritária.

“Se eles não moderarem eu não acho que eles terão esse tempo”, afirmou Janaína, sobre a teoria levantada pela própria de que o bolsonarismo poderia virar um “petismo de sinal trocado”. Segundo a deputada, o governo não está fazendo muita coisa e está perdendo uma “oportunidade ímpar de ter algum significado”.

Janaína declarou, ainda, que o PT formou um “totalitarismo” próprio que Bolsonaro não poderá fazer por “não ter a opinião pública a seu favor”. Segundo ela, se caminhar pelo mesmo rumo, o ex-capitão não conseguirá reeleição.

“O petismo está muito enraizado nas instituições. O totalitarismo petista é pouco percebido. É muito comum colegas de esquerda que têm falas muito violentas e agressivas se sentirem vítimas da agressividade que eles enxergam no bolsonarismo”, declarou.

A parlamentar ainda afirmou que o clã Bolsonaro sempre foi pró-ditadura e nunca mentiu sobre seu “saudosismo”. “Eles nunca mentiram de que pensam dessa forma. Eles pensam muito com esse saudosismo de 64. […] Não acho que eles tenham o desejo de fazer algo nesse sentido [AI-5], até porque as instituições são bem fortes, mas eles pensam assim”, avaliou.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp