13/10/2019 às 10h25min - Atualizada em 13/10/2019 às 10h25min

Ciro define Moro como analfabeto funcional em direito

“O Moro é um politiqueiro absolutamente desonesto. É uma mancha grave no Poder Judiciário brasileiro, além de ser muito despreparado. Moro é analfabeto funcional de matéria de direito”, disse Ciro Gomes.

Em nova entrevista, desta vez concedida aos jornalistas Gustavo Uribe e :Luciana Amaral, Ciro Gomes, do PDT, escolheu o ex-juiz Sergio Moro como seu alvo principal. “Moro é um politiqueiro ambicioso e corrupto, porque aceitou uma promessa de uma vantagem. Ou não é corrupção um juiz condenar um político, independentemente se esse político é ou não culpado, e depois aceitar ser ministro de quem ganhou a eleição, porque aquele outro não pôde participar da eleição? Isso é deplorável. Não existe esse tipo de precedente no mundo”, disse ele.

“O Moro é um politiqueiro absolutamente desonesto. É uma mancha grave no Poder Judiciário brasileiro, além de ser muito despreparado. Moro é analfabeto funcional de matéria de direito”, prosseguiu, em nova tentativa de ajustar seu discurso.

Sobre Lula, Ciro atenuou as críticas e disse que ele deve se submeter ao semiaberto. “A presença de um cidadão na cadeia é ordem do Estado e da lei. Não depende da vontade dele. Então, se a Justiça determinar o regime semiaberto, cabe ao paciente, isso estou falando em tese qualquer que seja ele, simplesmente obedecer. Isso é o que está escrito na lei. Não é voluntário a presença de ninguém em uma cadeia pública. Lula só faz política 24 horas por dia e está desmoralizando a Justiça que resta do Brasil. No Brasil, agora, não tem mais lei. É tudo conveniência e o Lula sentiu, com esse instinto extraordinário que ele tem, que a Justiça brasileira está em xeque e resolveu tripudiar”, afirmou.

Ciro também fez críticas a Luciano Huck e se posicionou contra o eventual impeachment de Jair Bolsonaro.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp