30/01/2020 às 10h48min - Atualizada em 30/01/2020 às 10h48min

Bolsonaro cancela readmissão de Santini na Casa Civil

A decisão acontece após a repercussão negativa que teve a recontratação do ex-secretário, que voou em um avião da Força Área Brasileira (FAB), à Índia.

Jair Bolsonaro (Sem Partido) anunciou nesta quinta-feira (30) que o ex-número dois da Casa Civil, José Vicente Santini, não terá um novo cargo no alto escalão do governo federal. No Twitter, Bolsonaro escreveu que informará em futura edição do Diário Oficial da União, que vai “tornar sem efeito a admissão do servidor Santini”.

A decisão acontece após a repercussão negativa que teve a recontratação do ex-secretário, que voou em um avião da Força Área Brasileira (FAB), à Índia. Ele ocuparia o cargo de assessor especial da Secretaria Especial de Relacionamento Externo da Casa Civil.

Na rede social, o presidente também disse que iria exonerar o interino da Casa Civil, sem especificar o nome. Fernando Moura assumiu o cargo após a exoneração de Santini. Por fim, anunciou que passaria o Programa de Parceria de Investimentos (PPI) da Casa Civil para o Ministério da Economia.

Ao comentar o caso, na terça-feira (28) Bolsonaro classificou a atitude de Santini como “completamente imoral” e que foi inadmissível a decisão de ter voado em um avião da FAB, podendo ter optado por um voo comercial. No dia seguinte, poucas horas depois da exoneração, foi publicado no Diário Oficial da União a nomeação de Santini para o novo cargo, que agora Bolsonaro diz que tornará sem efeito.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp