08/01/2020 às 11h07min - Atualizada em 08/01/2020 às 11h07min

Colunista da Folha diz que Bolsonaro insiste em ser o “poodle de Trump”

Jair Bolsonaro (Sem Partido) tem se esforçado para imitar Tony Blair (ex-primeiro ministro britânico) com seu alinhamento automático e até mesmo subserviência ao presidente dos Estados Unidos, levando o Brasil a um buraco.

“Não foi com surpresa que se viu o Itamaraty emitir uma nota endossando o assassinato do general Qassim Suleimani pelos americanos”, escreve o jornalista Igor Gielow, colunista do jornal Folha de S.Paulo.

“A nota é exemplar do comportamento da hidra da área externa, que tem o chanceler, um filho do presidente e um assessor obscuro como cabeças coroadas por um fanático radicado numa fazenda”.

“A depender deles, o Brasil teria participado de uma intervenção militar na Venezuela, mudado a embaixada de Tel Aviv para Jerusalém e aberto uma base americana por aqui”.

“Todas ideias que têm Trump como fiador. Em troca, nada de palpável e uma série de pequenas humilhações”.

“Bolsonaro conta com a indiferença popular a temas externos para continuar sendo o poodle tropicalizado de Trump. O padrão terá mais três anos para ser testado, num mundo cada dia mais perigoso”.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
publicidade 1200x90
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp