09/12/2019 às 18h44min - Atualizada em 09/12/2019 às 18h44min

Maioria da população aprova medida da Anvisa sobre medicamentos à base de cannabis

Mais de 65% dos pesquisados pela Toluna consideram ótima ou boa a iniciativa que permitirá venda desses produtos em farmácias.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou no último dia 3 de dezembro novas regras para registro de produtos à base de Cannabis para uso medicinal no país. A nova legislação permite que empresas possam fabricar esses artigos em território nacional e a venda desses produtos em farmácias, o que indica a possibilidade de ampliação do uso medicinal da erva no Brasil.

O assunto ainda divide opiniões, mas uma pesquisa da Toluna, empresa fornecedora líder de insights do consumidor sob demanda, mostra que para maioria (65%), a medida foi ótima ou boa. Já 22% acharam que a ação da Anvisa é ruim ou péssima, e 13% consideraram regular essa nova determinação. O estudo também questionou o quanto as pessoas acham importante a medida para as que têm a necessidade do medicamento e para esmagadores 94% o tema importante, muito importante ou totalmente importante, e somente para 6% o tema é pouco ou nada importante.

Pesquisa realizada entre 6 e 7 de dezembro de 2019 com 607 pessoas das classes A, B e C, segundo critério de classificação de classes utilizado pela Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa (Abep), onde pessoas da classe C2 tem renda média domiciliar de R$ 1.625 por mês. Estudo feito com pessoas acima de 18 anos, de todas as regiões brasileiras, com 3% de margem de erro e 95% de margem de confiança.

A Toluna fornece informações sobre o consumidor para possibilitar o sucesso na economia global atual sob demanda. Impulsionada pela perfeita fusão de tecnologia, experiência e a maior comunidade global de influenciadores, a Toluna oferece percepções ricas, confiáveis e em tempo real para indivíduos e empresas de todos os tamanhos.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp