04/12/2019 às 09h52min - Atualizada em 04/12/2019 às 09h52min

Desmatamento na Amazônia aumentou 212% em outubro de 2019

O desmatamento na Amazônia disparou em outubro último em comparação com o mesmo mês do ano passado. Segundo levantamento divulgado na terça-feira pelo Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon), em 2018, foram perdidos 187 km². Desta vez, 583 km².

O desmatamento na Amazônia aumentou 212% em outubro de 2019 em relação ao mesmo mês no ano passado, segundo levantamento publicado nesta quarta-feira (4) pelo jornal O Globo.

De acordo com a reportagem, o aumento foi de 212%. O Pará lidera o ranking, com 59% da área desmatada, seguido por Mato Grosso (14%), Rondônia (10%), Amazonas (8%), Acre (6%), Roraima (2%) e Amapá (1%).

Segundo o Imazon, o desmatamento é a remoção completa da vegetação florestal, normalmente para conversão em área de pasto.

De acordo com cientistas, se for mantido o atual ritmo de devastação, o desmatamento na floresta pode se tornar irreversível em dez anos.

O jornal assinala que o Fundo Amazônia, que já recebeu R$ 3,4 bilhões desde sua criação, em 2008, ainda não teve nenhum projeto aprovado este ano.

A responsabilidade é do governo Bolsonaro, cujo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, ainda não autorizou nenhum projeto.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp