14/03/2022 às 00h38min - Atualizada em 14/03/2022 às 00h38min

Oito estados e Distrito Federal flexibilizam uso de máscara, e quatro devem liberar uso em breve

Medidas são baseadas em redução nos níveis de mortes e casos ligados à Covid-19.

Redação
A flexibilização mais recente a entrar em vigor foi a de Minas Gerais, no último sábado (12). O governo do estado liberou os municípios para decidirem sobre o uso de máscaras tanto em locais abertos quanto fechados.
 
Com isso, o estado se juntou a outros sete, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Maranhão, Mato Grosso, Goiás e São Paulo, além do Distrito Federal.
 
A possibilidade para não usar máscaras em locais abertos em Santa Catarina já existia desde o dia 24 de fevereiro, e passou a valer no último sábado um decreto que também libera o uso em locais fechados.
 
No caso do Mato Grosso do Sul, Maranhão, Goiás e São Paulo, a flexibilização vale apenas para locais abertos. Já em relação ao Mato Grosso, o governo liberou cada município para decidir se dispensa ou não a obrigatoriedade, e se a liberação vale para locais abertos e fechados.
 
No caso do Rio de Janeiro e do Distrito Federal, a população não é mais obrigada a usar máscaras em ambientes abertos e fechados.
 
Outros quatro estados devem implementar nesta semana medidas de flexibilização sobre as máscaras. No Amazonas, Espírito Santo e Rondônia, a liberação ocorrerá na próxima segunda-feira (14), no caso dos dois primeiros apenas em locais abertos e, no terceiro, também em ambientes fechados.
 
Já o Rio Grande do Norte vai flexibilizar o uso a partir da quarta-feira (16), mas apenas em locais abertos.
 
Há ainda o Sergipe, cujo governo enviou um projeto de lei para a Assembleia Legislativa que revogaria a lei obrigando o uso de máscara no estado. O texto ainda não foi aprovado.
 
Com isso, o uso de máscaras em qualquer ambiente segue obrigatório no Rio Grande do Sul, Paraná, Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Roraima, Tocantins, Acre, Amapá e Pará.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp