23/12/2021 às 12h13min - Atualizada em 23/12/2021 às 12h13min

Confraternização on-line lúdica é aposta de empresas para celebrar o final de ano com o maior engajamento dos colaboradores

A Run2Biz, do setor de tecnologia, promove o “Flying2gether”, evento “rumo a 2022”, em que a distância geográfica não se torna um impeditivo para a troca de afetos entre os colaboradores.

Redação
A melhora nos indicadores da pandemia de Covid-19 permitiu flexibilizar uma série de restrições. No entanto, no mundo corporativo, em alguns setores, as tradicionais “festas da firma” de final de ano mantêm o modelo remoto. Nada, porém, de mais do mesmo: os gestores de Marketing e de Recursos Humanos buscam formas de garantir uma confraternização on-line mais interativa e imersiva.
 
Os encontros festivos por videochamada se mantêm como a opção mais recomendável para empresas cujas redes de colaboradores e parceiros estão espalhadas por várias localidades e regiões. Se, antes da pandemia, no mês de dezembro era possível promover um grande evento reunindo em um só lugar gente vinda de sucursais, filiais e outras unidades, no momento esses deslocamentos ainda não são aconselháveis.
 
Empresa de tecnologia com sede em Brasília e que atende organizações espalhadas em todo o Mundo, especialmente Brasil e EUA, a Run2Biz nem chegou a cogitar promover uma festa presencial neste ano, adianta o Gestor de Marketing e organizador do evento, Everton Pinheiro. Uma confraternização assim exigiria uma logística ainda não muito apropriada para o atual estágio da pandemia. A decisão foi manter a festa por meio remoto, ocorrida no último dia 9 de dezembro.


Mas, em especial para uma empresa em que as atividades se dão cotidianamente mediadas pela tecnologia, como garantir que o encontro on-line seja, de fato, festivo e afetuoso, e não mais uma das incontáveis videochamadas realizadas durante todo o ano?
 
Sim, foi preciso pôr a cabeça para funcionar para planejar uma confraternização – e não uma reunião de trabalho. Assim, optou-se por um encontro on-line temático – o “Flying2gether”. Em um trocadilho com o “two” (2) do nome da empresa (Run2Biz), a empresa propôs um voo com todos os colaboradores, rumo a 2022.
 
Tudo foi pensado e realizado para simular uma viagem com destino ao novo ano. Os colaboradores receberam previamente, em suas casas, um kit contendo almofada de pescoço, tapa-olho e um talão de embarque impresso com qr-code que levava para o check-in online. Já durante o evento, os participantes puderam mudar a imagem de fundo de suas telas para cenários de aeronaves. As instruções foram dadas pelos organizadores em texto e retórica típicos dos comissários de bordo. As atividades realizadas foram denominadas com palavras alusivas ao universo da aviação.
 
A viagem foi marcada por diferentes momentos. No começo, o instante para “fotos” – uma sequência de reprodução de telas (“prints”) que registrasse a participação de todos os colaboradores. Em seguida, todo mundo pôde falar um pouco – compartilhar suas impressões, sentimentos, expectativas, dificuldades, desafios.


Houve arte: um show com o músico brasiliense Allan Massay foi gravado especialmente para ser exibido na confraternização. No repertório, os principais hits do pop rock brasileiro e internacional. Os colaboradores participaram também de um sorteio de presentes – estilo roleta.
 
As “festas da firma” cumprem uma função para além da diversão. Inclusive as confraternizações on-line se constituem em momentos de sinergia considerados pelos especialistas em recursos humanos como fundamentais para que uma organização conte com times engajados e realizados. É a oportunidade para que os colaboradores se conheçam melhor, para além de suas funções e características profissionais.
 
Foi o que se constatou no “Flying2gether”. Depoimentos que dificilmente ocorreriam dentro da rotina de trabalho vieram à tona com naturalidade e leveza. Colaboradores recém-chegados enalteceram o acolhimento dos colegas e da empresa. Veteranos demonstraram satisfação com a fase de expansão vivenciada pela Run2Biz. Palavras de gratidão e satisfação marcaram os relatos também.
 
O “Flying2gether” envolveu em torno de 45 colaboradores. Foram duas horas e dezoito minutos de “voo”. A julgar pela experiência dessa jornada, o time da Run2Biz tem tudo para seguir em céu de brigadeiro, superando eventuais turbulências que se apresentarem no caminho.
 
MAIS INFORMAÇÕES
Sobre a Run2Biz: https://br.run2biz.com/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp