12/12/2019 às 19h17min - Atualizada em 12/12/2019 às 19h20min

Weintraub tira férias - de novo - e não deve voltar em 2020

Ministro da Educação entra em férias nesta sexta-feira (13) pela segunda vez em menos de um ano e deve deixar o comando da pasta.

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, está limpando as gavetas para começar o segundo período de férias nesta sexta-feira (13) em menos de um ano no cargo e, tudo indica, não deve retornar ao posto em 2020.

Segundo reportagem de Renata Cafardo, no site do jornal O Estado de S. Paulo, nomes ligados ao ministro foram exonerados nos últimos dias e, segundo fontes ouvidas pela jornalista, Weintraub está se despedindo do cargo.

Nesta quinta-feira (12), a jornalista Priscila Costa e Silva, uma de suas principais assessoras, foi exonerada. Alexandre Lopes, presidente do Instituto Nacional de Pesquisas e Estudos Educacionais do MEC, também já teria deixado o posto.

Na semana passada, dois coordenadores da área de Alfabetização do MEC, Renan Sargiani e Josiane Toledo Silva, também deixaram o MEC.

Segundo fontes da jornalista, especializada na área de Educação, Weintraub é malvisto tanto pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, quanto pelo secretário geral da Presidência, Jorge Antônio de Oliveira Francisco, que avaliam que suas polêmicas são desnecessárias e prejudicam a governo.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp