02/12/2021 às 22h39min - Atualizada em 02/12/2021 às 22h39min

De virada, Atlético Mineiro vence Bahia e é campeão brasileiro após 50 anos

Sob a liderança do treinador Cuca, neste ano, o Galo ainda pode vencer a Copa do Brasil se derrotar o Athlético-PR.

Redação
O Atlético-MG é o novo campeão brasileiro de 2021. Após tomar dois gols do Bahia num espaço de quatro minutos e começar a perder por 2 a 0 na metade do segundo tempo, o Galo realizou a virada que lhe deu o título brasileiro após 50 anos de jejum. O último título brasileiro do clube foi em 1971.
 
Os três gols do clube mineiro foram realizados em apenas quatro minutos, nos últimos vinte minutos de jogo.
 
Os dois primeiros gols, do Bahia, foram de Luiz Otávio (62’) e do artilheiro Gilberto (66’). Os gols do Atlético foram marcados por Hulk (73’), de pênalti, e Keno (74’, 77’), que marcou os dois últimos gols, que deram o título ao Galo.


Com a vitória, o clube treinado por Cuca chega a 81 pontos na tabela e já não pode mais ser ultrapassado pelo vice, o Flamengo, que, com 70 pontos na 35° rodada da Série A, só pode chegar a 79 pontos – isso se ganhar os seus três últimos jogos.
 
Neste ano, o Atlético-MG ainda pode vencer a Copa do Brasil se derrotar o Athlético-PR nos dois jogos da final – que ocorrem nos dias 12 e 15 de dezembro. No início do ano, o Galo ganhou seu 46° título mineiro no estadual.


 BAHIA 2 X 3 ATLÉTICO
 
Bahia
Danilo Fernandes; Nino Paraíba, Germán Conti, Luiz Otávio e Matheus Bahia; Patrick de Lucca, Lucas Mugni (Daniel, aos 31' do 2°T) e Rodriguinho (Ronaldo César, aos 36' do 2ºT); Rossi, Raí Nascimento (Juan Ramírez, aos 40' do 2°T) e Gilberto (Rodallega, aos 31' do 2°T)
Técnico: Guto Ferreira
 
Atlético
Everson; Mariano, Nathan Silva, Junior Alonso e Guilherme Arana; Tchê Tchê, Matías Zaracho (Igor Rabello, aos 36' do 2°T) e Nacho Fernández (Eduardo Sasha, aos 22 do 2°T); Vargas (Nathan, aos 22' do 2°T), Keno (Dodô, aos 40' do 2°T) e Hulk
Técnico: Cuca
 
Motivo: jogo adiado da 32ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
Data e horário: quinta-feira, 2 de dezembro de 2021, às 18h (de Brasília)
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
 
Gols: Luiz Otávio, aos 16', e Gilberto, aos 20' do 2°T (BAH); Hulk, aos 27', e Keno, aos 28', e aos 32' do 2°T (ATL)
Cartões amarelos: Lucas Mugni, aos 33' do 1°T, Patrick de Lucca, aos 43' do 2°T (BAH); Guilherme Arana, aos 44' do 1°T, Eduardo Sasha, aos 34', Nathan, aos 41' do 2°T (ATL)
 
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse e Alex Ang Ribeiro
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
publicidade 1200x90
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp