24/11/2021 às 18h14min - Atualizada em 24/11/2021 às 18h14min

Lula lidera em todos o cenários de 1° turno e vence tanto Bolsonaro quanto Moro no 2°, diz pesquisa ModalMais/Futura

De acordo com o levantamento, o ex-presidente Lula venceria em todos os cenários.

Redação
Pesquisa eleitoral feita pelo banco digital ModalMais com a Futura Inteligência, divulgada nesta quarta-feira (24), confirma o favoritismo de Lula (PT) na corrida pela presidência em 2022.
 
Segundo o levantamento, o ex-presidente, em um dos cenários de 1° turno, soma 38,6% das intenções de voto, contra 32,4% de Jair Bolsonaro (Sem Partido). O terceiro lugar, conforme outras pesquisas já vêm apontado, agora é do ex-juiz Sergio Moro (Podemos), que aparece com 11,9%, ultrapassando Ciro Gomes (PDT), que tem índice de 6,2%.
 
Na sequência consta Guilherme Boulos (PSOL), com 1,8%. O psolista, no entanto, deve ser candidato ao governo do estado de São Paulo. O último colocado neste cenário é o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, que disputa prévias pelo PSDB. O tucano tem 1,4% das intenções de voto. 4% afirmaram que votarão em branco ou nulo, enquanto outros 3,6% não sabem ou não responderam.
 
Em outro cenário, com o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), no páreo ao invés de Eduardo Leite, o cenário pouco muda. Lula lidera com 37%, contra 30,8% de Bolsonaro. Moro aparece com 13,6%, logo à frente de Ciro, que consta com 7,5%. Boulos tem índice de 2,1% e Doria de 1,9%. 4,1% dos entrevistados dizem que vão votar em branco ou nulo e outros 3% não sabem ou não responderam.
 
2º turno
A pesquisa ModalMais/Futura apontou ainda que Lula, se as eleições fossem hoje, venceria qualquer um dos oponentes em um eventual 2º turno.
 
Contra Bolsonaro, o petista teria 49,2%, enquanto o presidente somaria 37,4%. Já em um cenário com Moro como seu oponente, o ex-presidente venceria com 46,6%, contra 33,6% do ex-juiz.
 
O levantamento foi feito por telefone entre os dias 16 e 20 de novembro. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp