05/11/2021 às 12h42min - Atualizada em 05/11/2021 às 12h44min

Padre Júlio Lancellotti recebe Colar de Honra ao Mérito, a mais alta honraria da Assembleia de São Paulo

Defensor dos moradores das ruas e dos direitos humanos, religioso está há 36 anos pregando e praticando a solidariedade.

O padre Júlio Lancellotti, coordenador da Pastoral do Povo de Rua da Arquidiocese de São Paulo, foi homenageado na noite desta quinta-feira (4) pela Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp). Ele recebeu o Colar de Honra ao Mérito por sua atuação em defesa dos direitos humanos na capital paulista e durante a pandemia.

O colar foi entregue pelo deputado estadual Luiz Fernando (PT).

O vereador Eduardo Suplicy (PT) participou da sessão e, emocionado, relembrou a atuação do padre com os desamparados na Cracolândia e também com pessoas em situação de rua.

A proposta para a homenagem foi apresentada pelo presidente do Grupo Tortura Nunca Mais, Ariel de Castro Alves. O colar é entregue pelos membros da mesa-diretora da Assembleia Legislativa a pessoas que tenham contribuído com o desenvolvimento social, cultural e econômico de São Paulo.


Júlio Lancellotti é teólogo, pedagogo e premiado ativista social por sua defesa aos direitos humanos. Desde 1985, é pároco da igreja São Miguel Arcanjo, na Mooca, e Vigário Episcopal para o Povo da Rua nomeado por Dom Paulo Evaristo Arns.

O padre atuou na Pastoral do Menor e é fundador da Casa Vida, dedicada a acolher crianças portadoras do vírus HIV.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
publicidade 1200x90
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp