17/05/2021 às 11h40min - Atualizada em 17/05/2021 às 11h40min

Espetáculo Ialodê celebra vozes da música negra

Transmissão do show Ialodê ocorre nesta terça-feira, 18/05, às 21h, no canal da PUCRS no YouTube.

Foto: Josemar Afrovulto/Glau Barros, Loma, Nina Fola e Marietti Fialho

Nesta terça-feira, 18/05, às 21h, estreia a gravação do espetáculo Ialodê com as cantoras Loma, Nina Fola, Marietti Fialho e Glau Barros, acompanhadas de grande banda e participação especial da Tribo Maçambiqueira de Osório. O espetáculo foi gravado no Salão de Atos Ir. Norberto Rauch, no Campus da PUCRS, sem a presença de público devido à pandemia. A transmissão ocorre pelo canal da PUCRS no YouTube.

O projeto Ialodê é a celebração de quatro das principais vozes da música negra do estado do Rio Grande do Sul por meio da gravação do espetáculo e da produção de um filme documental com entrevistas com as artistas. No espetáculo, o repertório do show também valoriza a composição de artistas gaúchos, com composições das cantoras celebradas pelo projeto Marietti Fialho, Loma Solaris e Nina Fola, e de Giba Giba, Pâmela Amaro, Zilah Machado, Guaíra Soares, Gelson Oliveira, Pedro Cunha, Maumau de Castro entre outras e outros.

Sobre as artistas

Loma é cantora e compositora, pioneira na música regionalista gaúcha, onde iniciou sua carreira na década de 1970 com o grupo Pentagrama. É representante máxima do maçambique, ritmo afro-gaúcho do litoral norte do RS. Entre idas e vindas do RJ, gravou com nomes como Elis Regina e Gilberto Gil. Conquistou dois troféus Açorianos e em 2019 foi a artista homenageada da edição pelo conjunto de sua obra.

Nina Fola é cantora, compositora, percussionista, socióloga, mestra e doutoranda em sociologia, bolsista cotista, pela UFRGS. Especialista em debates sobre racismo estrutural e religioso, movimentos de mulheres negras e de terreiro. Atua como produtora no grupo AfroEntes e no Atinuke - coletivo sobre o pensamento de mulheres negras. Depois de participar da residência do Projeto Concha, vem se dedicando ao seu trabalho solo.

Marietti Fialho é cantora e compositora. Conhecida por composições no reggae, é voz marcante na noite da capital desde os anos 1980 e famosa por suas misturas entre jazz e samba. Administra sozinha um espaço cultural na periferia chamado Gagabirô, onde realiza festivais independentes de música.

Glau Barros é cantora e compositora de samba e de músicas afro-brasileiras, atriz do primeiro grupo teatral com apenas atores pretos, o Caixa-Preta, teve seu primeiro disco solo lançado recentemente, Brasil-Quilombo. É uma das principais referências em samba contemporâneo no estado.

O projeto Ialodê é viabilizado com recursos da Lei nº 14.017/2020 - Aldir Blanc; contemplado pelo Edital SEDAC nº 09/2020. Apoio Agulha e PUCRS.

Serviço

O que: Espetáculo Ialodê

Data: 18/05

Horário: 21h

Onde: canal da PUCRS no YouTube


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp