13/11/2019 às 23h57min - Atualizada em 13/11/2019 às 23h57min

Janaína diz que saída de Bolsonaro do PSL é “ruim para o país”

“Esse movimento do presidente vai dividir a maior bancada na Câmara. A bancada mais fiel a ele”, avaliou Janaina.

Deputada mais votada na história do Brasil, com mais de 2 milhões de votos, Janaína Paschoal não vai deixar o PSL e acompanhar o presidente Jair Bolsonaro, que quer criar o Aliança pelo Brasil.

“Eu desejo muito sucesso ao presidente, mas não pretendo ir para o novo partido”, afirmou Janaína à coluna Direto da Fonte, do jornal O Estado de S.Paulo.

A deputada não vê como positiva a decisão de Bolsonaro de deixar o PSL. “Entendo a iniciativa ruim para o país. Esse movimento do presidente vai dividir a maior bancada na Câmara. A bancada mais fiel a ele. Ademais, vai investir energia na criação de um partido, sendo uma energia preciosa para o país”, avaliou Janaína.

O nome da parlamentar é sempre lembrado para disputar a Prefeitura de São Paulo no ano que vem. Mas ela tem dito que vai terminar seu mandato na Assembleia Legislativa.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp