08/04/2021 às 12h16min - Atualizada em 08/04/2021 às 12h16min

Santos - SP estreia app de controle da Covid-19 que terá dados da vacinação e de UTIs disponíveis em tempo real

Desenvolvido em parceria com o Butantan, o GHM também mostra as regiões com alto índice de contaminação e orienta sobre sintomas da doença e vacinação.

O GHM já está disponível gratuitamente para todos os usuários de Android e IOS de qualquer cidade do Brasil.

Nesta semana a Prefeitura Municipal de Santos - SP apresenta à população o aplicativo Global Health Monitor (GHM), uma plataforma gratuita criada especialmente para ajudar no combate à pandemia. Desenvolvida em parceria com os infectologistas do Instituto Butantan, a tecnologia ajuda os usuários a identificar áreas da cidade com alto nível de contaminação pelo novo coronavírus.

Numa segunda etapa do projeto, a GHM também vai disponibilizar informações em tempo real sobre leitos de UTIs disponíveis na cidade e sobre o movimento de pessoas nas unidades de saúde responsáveis pela vacinação. A previsão de fornecimento desses dados é a partir de maio.

Baseado no rastreamento de contatos por geoprocessamento, o GHM é totalmente anonimizado e funciona por contact tracing. “O funcionamento se dá pelo smartphone, por geolocalização, com uso de dados bem similar aos aplicativos de rotas de trânsito, sem nenhuma exposição do usuário”, explica Henrique Mendes, CEO da GHM.

Em Santos a expectativa é diminuir o número de casos, que ultrapassam os 38 mil confirmados, e mostrar de forma clara e rápida o movimento dos postos de vacinação e a situação dos leitos de UTIs, que está próxima de 90% de ocupação.

O app também indica as áreas de risco por mapa de calor e ajuda no monitoramento de sintomas individuais. “O time de infectologistas do Butantan participou e validou o algoritmo na seção de autoavaliação do usuário, o que faz com que o monitoramento seja o mais certeiro possível”, afirma Victor Rangel, CMO da empresa.

Segundo ele, a autoavaliação é uma etapa muito importante e deve ser preenchida diariamente. Quanto mais rápido a população instalar e alimentar o app de informações individuais, mais eficaz será o monitoramento em todas as regiões.

Tainá vai responder todas dúvidas da população sobre a Covid-19 e o processo de vacinação.

O aplicativo já é utilizado em Araraquara - SP, cidade que vem apresentando queda do número de mortes por Covid-19. Em Santos, a população já pode fazer o download e uso efetivo do app. Os santistas terão acesso, ainda, à assistente virtual Tainá, cedida pelo Butantan para orientar o usuário com informações completas sobre a doença e medidas de combate.

Uso de dados

A Política de Privacidade que o GHM firma com o usuário foi construída a partir da Lei Geral de Proteção de Dados, de modo que a população entra no mapeamento de forma 100% anônima e não tem qualquer dado pessoal exposto.

“Acreditamos que, além de ser uma ferramenta importante para a autopreservação do cidadão, o app pode fornecer números relevantes para as diversas instâncias de gestão pública. Lembrando novamente que as informações são totalmente anonimizadas”, Adam Barão, CTO da GHM.

Além do Instituto Butantan e da Prefeitura Municipal de Santos são parceiros ou apoiadores do Global Health Monitor o Município de Araraquara, o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPQD), a Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii), o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o programa Startup With IBM (da IBM), a HiLab (Health Tec de Curitiba), EZOK e a Ninho Digital.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp