18/02/2021 às 10h38min - Atualizada em 18/02/2021 às 10h38min

No 1° dia, Serrana - SP imuniza 4,5% da população que deve ser vacinada até março

Equipes aplicaram doses em 1.364 pessoas na quarta-feira (17), o equivalente a 19,48% da região verde, que será vacinada até domingo (21). Projeto que avalia eficácia da CoronaVac vai imunizar 30 mil pessoas do município paulista.

Serrana - SP imunizou 1.364 pessoas contra a Covid-19 na quarta-feira (17), primeiro dia de vacinação em massa para um estudo inédito do Instituto Butantan, de acordo a médica infectologista do Hospital Estadual do município e integrante do projeto, Natasha Nicos Ferreira.

O número equivale a 4,5% das 30 mil que devem ser vacinadas pela pesquisa e corresponde a 19,48% dos cerca de sete mil voluntários que devem ser vacinados até domingo (21) pela região verde, uma das quatro em que a cidade foi dividida para a realização do programa.

O projeto tem o objetivo de avaliar a eficácia da CoronaVac na queda da taxa de transmissão do novo coronavírus. Os primeiros resultados devem ser divulgados em maio.

Segundo Natasha, o número de vacinados no primeiro dia foi impulsionado principalmente pela procura de idosos e está acima da expectativa para a abertura da vacinação, mas dentro da média diária traçada pelas equipes do projeto.

A vacinação em massa em Serrana começou na manhã de quarta-feira (17) com um ato simbólico, em que cinco voluntários foram vacinados na presença de autoridades estaduais, entre eles um casal de idosos, na Escola Municipal Professora Maria Celina Walter de Assis. A imprensa não teve acesso ao local de imunização a pedido dos cientistas, por se tratar de um estudo clínico.

O público adulto, com mais de 18 anos, exceto grávidas, lactantes e pessoas com doenças graves, começou a ser vacinado às 14h.

Até domingo (21), todos os moradores da zona verde receberão as doses. Depois, serão imunizados os moradores das regiões amarela, cinza e azul, de acordo com o calendário abaixo.

  • 1ª região (verde): de 17 a 21 de fevereiro;
  • 2ª região (amarelo): de 24 a 28 de fevereiro;
  • 3ª região (cinza): de 3 a 7 de março;
  • 4ª região (azul): de 10 a 14 de março.

A segunda dose começará a ser aplicada entre o 21° e o 30° dia após a primeira.

A pesquisa vai avaliar a eficiência da CoronaVac na diminuição da taxa de transmissão do vírus. Os pesquisadores também querem identificar o impacto nas internações, nas mortes e no tempo que a cidade vai demorar para alcançar a imunidade de rebanho.

Serrana foi escolhida por ser uma cidade de baixo número populacional, além de estar próxima a Ribeirão Preto - SP, referência nacional em saúde, e de ter apresentado dados preocupantes de transmissão do novo coronavírus em um inquérito sorológico realizado pelo Instituto Butantan em 2020.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp