30/01/2021 às 13h40min - Atualizada em 30/01/2021 às 13h40min

Mulher confessa à polícia que pediu para amante matar marido a caminho do trabalho em Várzea Paulista - SP

Vítima, de 30 anos, estava em um ponto de ônibus quando sofreu disparos na cabeça.

A Polícia Civil esclareceu que o homem de 30 anos encontrado baleado na cabeça, no Jardim América I, em Várzea Paulista - SP, no dia 21 de dezembro, foi executado a mando da esposa em um plano arquitetado com um amante.

De acordo com a investigação, Lucas Neves Rodrigues foi morto na rua Nipoã. Conforme o registro, ele estava em um ponto de ônibus a caminho do trabalho quando um homem armado fez dois disparos contra a vítima, que morreu em seguida. O assassino fugiu.

Segundo o delegado Ruíter Martins, investigadores ouviram a esposa de Lucas, com quem ele tinha dois filhos. A mulher confessou que mantinha um caso com um amante e que o outro homem disse que contratou um assassino para o crime.

Os investigadores descobriram que o amante tem várias passagens por crimes. O homem se apresentava à esposa da vítima como “Ricardo”, mas tinha outro nome.

Em buscas na casa dela, os policiais encontraram um cartão de telefone. Nervosa, ela afirmou que soube antes sobre o homicídio do marido e que havia pedido ao amante que executasse a vítima “para se livrar”.

Nenhum deles foi preso. O caso continua sob investigação. À polícia, o amante negou o crime.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp