16/12/2020 às 13h03min - Atualizada em 16/12/2020 às 13h03min

“O ministro da Saúde é um grande desastre para o país”, critica Maia

O presidente da Câmara disse que falta sensibilidade a Eduardo Pazuello e ao presidente Jair Bolsonaro.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou, nesta quarta-feira (16/12), que os militares estão preparados para comandar, mas não para liderar, apesar da competência dos ministros. A ressalva é o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, que, segundo ele, está fazendo uma gestão desastrosa para o país.

“O ministro da Saúde é um grande desastre para o país, primeiro, e para o governo. No momento da pandemia, o Ministério da Saúde como está… é o país quem vai pagar a conta”, declarou Maia.

O presidente da Câmara ironizou o fato de Pazuello ser “forte da logística”, mas ainda não ter apresentado um plano claro para vacinar a população.

O governo lançou, nesta quarta-feira (16), um plano de imunização contra a Covid-19, mas não apresentou as datas para dar início aos trabalhos.

O parlamentar destacou que a ansiedade da população é normal diante da quantidade de morte e dos problemas que geram o isolamento social. “A ansiedade é correta e o que falta ao governo, ao ministro da Saúde e ao presidente é sensibilidade para entender que as condições que temos não é a mesma de milhões de brasileiros”, disse.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp