11/12/2020 às 15h22min - Atualizada em 11/12/2020 às 15h22min

Infectologista desmente Bolsonaro: “não se usa mais cloroquina na África para tratar malária”

“Que ele [Bolsonaro] é um idiota, nós não temos dúvidas. Mas, ele é um idiota assessorado por idiotas. A malária que tem na África é só pelo Plasmodium falciparum. E hoje, o falciparum que circula na África é 100% resistente à cloroquina. Não se usa mais cloroquina na África, pois a malária que tem lá é resistente à cloroquina, que foi muito usada na década de 50”, explicou o infectologista.

Em entrevista a Dri Delorenzo e Renato Rovai, no Fórum Onze e Meia desta sexta-feira (11), o médico infectologista Marcos Caseiro desmentiu a ilação de Jair Bolsonaro (Sem Partido), que declarou nesta quinta-feira (10) durante evento em Porto Alegre - RS que os africanos não morreram da Covid-19 “porque lá tem malária e eram tratados com hidroxicloroquina”.

“Que ele [Bolsonaro] é um idiota, nós não temos dúvidas. Mas, ele é um idiota assessorado por idiotas. A malária que tem na África é só pelo Plasmodium falciparum. E hoje, o falciparum que circula na África é 100% resistente à cloroquina. Não se usa mais cloroquina na África, pois a malária que tem lá é resistente à cloroquina, que foi muito usada na década de 50”, explicou o infectologista.

Bolsonaro fez a declaração durante evento de inauguração de nova ponte sobre o Rio Guaíba, quando voltou a defender o tratamento precoce da Covid-19 com hidroxicloroquina.

Leia a íntegra no site da revista Fórum.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp