08/12/2020 às 20h33min - Atualizada em 08/12/2020 às 20h33min

Brasil registrou 796 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas, e passa de 178 mil no total

País tem 178.184 óbitos registrados e 6.675.915 diagnósticos de Covid-19 desde o começo da pandemia, segundo balanço do consórcio de veículos de imprensa. Com 796 mortes em um dia, média móvel de óbitos foi para 617.

O consórcio de veículos de imprensa divulgou novo levantamento da situação da pandemia de coronavírus no Brasil a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde, consolidados às 20h desta terça-feira (8).

O país registrou 796 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas, chegando ao total de 178.184 óbitos desde o começo da pandemia. Com isso, a média móvel de mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 617, a mais alta registrada desde 7 de outubro - nesse dia, a média foi de 631. A variação foi de +31% em comparação à média de 14 dias atrás, indicando tendência de alta nos óbitos pela doença.

Em casos confirmados, desde o começo da pandemia 6.675.915 brasileiros já tiveram ou têm o novo coronavírus, com 47.850 desses confirmados no último dia. A média móvel nos últimos 7 dias foi de 41.056 novos diagnósticos por dia. Isso representa uma variação de +31% em relação aos casos registrados em duas semanas, o que indica tendência de alta também nos diagnósticos.

Dezessete estados e o Distrito Federal apresentaram alta na média móvel de mortes: Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Espirito Santo, Minas Gerais, São Paulo, Distrito Federal, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Amapá, Rondônia, Tocantins, Bahia, Ceara, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe.

Brasil, 8 de dezembro

  • Total de mortes: 178.184;
  • Registro de mortes em 24 horas: 796;
  • Média de novas mortes nos últimos 7 dias: 617 (variação em 14 dias: +31%);
  • Total de casos confirmados: 6.675.915;
  • Registro de casos confirmados em 24 horas: 47.850;
  • Média de novos casos nos últimos 7 dias: 41.056 por dia (variação em 14 dias: +31%).

Os dados sobre casos e mortes de coronavírus no Brasil foram obtidos após uma parceria inédita entre G1, O Globo, Extra, O Estado de S.Paulo, Folha de S.Paulo e UOL, que passaram a trabalhar, desde o dia 8 de junho, de forma colaborativa para reunir as informações necessárias nos 26 estados e no Distrito Federal.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp