08/10/2019 às 20h45min - Atualizada em 08/10/2019 às 20h45min

Câncer Infantojuvenil atinge mais de 12 mil crianças e adolescentes anualmente

De acordo com dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), são cerca de 12.500 pessoas, entre 1 e 19 anos, acometidos por tumores como linfoma, leucemia e neuroblastoma, anualmente.

Neste sábado, 12 de outubro, é comemorado o Dia das Crianças, e a Sociedade Brasileira de Oncologia Pediátrica (SOBOPE) dá um destaque aos pequenos que estão em tratamento do câncer.

De acordo com dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), são cerca de 12.500 pessoas, entre 1 e 19 anos, acometidos por tumores como linfoma, leucemia e neuroblastoma, anualmente.

De acordo com o presidente da SOBOPE, Dr. Claudio Galvão, “o tratamento do câncer infantil requer uma estrutura física, com Unidade de Terapia Intensiva (UTI), pronto-socorro, laboratórios, radiologia, e equipe multidisciplinar treinada, bem como apoio de outras especialidades médicas”, e ressalta que o essencial é realizar o diagnóstico o mais rápido possível.

Isso porque, apesar da taxa de cura do câncer infantojuvenil ser alta, o diagnóstico ainda é feito de forma tardia, o que dificulta o tratamento. “Se tratando de crianças, falamos muito de reconhecer a doença e fazer o diagnóstico precocemente, para que o tratamento se inicie mais rápido”, afirma o médico onco-pediatra.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp