04/04/2020 às 16h18min - Atualizada em 04/04/2020 às 16h18min

Bolsonaro tem atitude paranoica e onipotente diante da pandemia, dizem psicanalista

Aspectos mencionados por parte dos especialistas acerca das atitudes de Bolsonaro: Insegurança, Onipotência, Lógica Paranoica, Messianismo e Estilo Narcísico.

A crise do coronavírus, que já deixou centenas de mortos no país, tornou mais evidente a inconstância e a ambiguidade do comportamento de Jair Bolsonaro (Sem Partido) no exercício do cargo.(…) O jornal Folha de S. Paulo pediu a psicanalistas de diferentes correntes e abordagens profissionais para que comentassem aspectos recentes do comportamento de Bolsonaro.

Lógica paranoica, messiânica e delirante, demonstrações de fragilidade e onipotência são alguns dos elementos nos discursos de Bolsonaro das últimas semanas identificados pelos especialistas.

Eles fizeram a ressalva de que as observações sobre suas declarações e atitudes, feitas à distância, não constituem um diagnóstico profissional. Um dos pontos que mais chamam a atenção dos entrevistados pela reportagem é a necessidade de manter posição agressiva recorrente ante adversários e mesmo apoiadores - caso do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, a quem Bolsonaro acusou na semana passada de falta de humildade.

Na atual crise, o alvo prioritário escolhido são governadores, que decretaram medidas de restrição à circulação para conter a disseminação da doença. Para o psicanalista Christian Dunker, professor do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo (USP), o bolsonarismo tem na criação de inimigos o mecanismo de seu funcionamento. “A pandemia viola muito fortemente essa lógica. Porque aí é um inimigo que não foi você quem criou, portanto não é você quem manipula”, afirma Dunker.

Ao se dar conta disso, diz o professor, Bolsonaro tentou negar a gravidade do vírus. “A negação é uma atitude psíquica, a mais simples diante do desconhecido”, diz. “Pessoas onipotentes se expõem mais. Faz parte de quem tem poder se sentir acima dos mortais, de que as coisas não acontecem com ele. É um predestinado da natureza, não vai pegar doença”, diz Mário Corso.

Aspectos mencionados por parte dos especialistas acerca das atitudes de Bolsonaro: Insegurança, Onipotência, Lógica Paranoica, Messianismo e Estilo Narcísico.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp