09/07/2024 às 13h19min - Atualizada em 09/07/2024 às 13h19min

Chile é o destino internacional mais procurado por brasileiros para férias de julho

O país ultrapassou a Argentina em relação ao ranking de 2023, segundo levantamento da Maxmilhas.

Redação
Foto: Divulgação/Maxmilhas – Valle Nevado, Chile
O Chile ultrapassou a Argentina em reservas de viagens para as férias de julho em 2024, é o que mostra um levantamento feito pela Maxmilhas, travel tech oferecem formas inteligentes para a pesquisa e compra de passagens aéreas promocionais e hotéis. Apesar da mudança, a Argentina ainda figura entre os principais destinos internacionais dos brasileiros, passando para o segundo lugar na lista.

Além de Chile e Argentina, houve aumento também pela procura por outros destinos na América do Sul, como Colômbia e Peru. Já Portugal e Estados Unidos, destinos muito buscados nesta época, apresentaram queda de 28% e 34% na busca, respectivamente, mas ainda assim, continuam no top 5 destinos dos brasileiros.
 
Confira a lista completa de destinos internacionais mais buscados para férias de julho:
  1. Chile
  2. Argentina
  3. Estados Unidos
  4. Itália
  5. Portugal
  6. Colômbia
  7. Peru
  8. Espanha
  9. França
  10. Reino Unido
Ainda segundo a plataforma, para destinos internacionais, as viagens em casal predominam, representando 33% das reservas, em seguida, vem as viagens solo (29%) e com crianças (19%).
 
Em relação à antecedência de compra para viagens internacionais, o planejamento é maior do que as viagens nacionais. Enquanto as passagens para viajar dentro do país são compradas em média 41 dias antes do embarque, para viagens para o exterior a média sobe 91 dias.
 
Essa antecedência cresceu ainda mais em relação ao ano passado: houve aumento de 33% na antecipação da compra da passagem aérea para voos internacionais, saindo de 68 dias em 2023 para 91 dias neste ano. Os países na Europa são os que mais exigem planejamento prévio: Espanha, Reino Unido e Itália apresentaram aumentos na antecedência de compra, com média de 90 a 106 dias entre a data de compra e embarque. Colômbia foi o único país do top 10 que apresentou queda, saindo de 78 para 69 dias, em média.
 
Dicas de viagem para o Chile 
A Maxmilhas separou algumas dicas para quem ainda deseja viajar ao Chile nesta temporada. O país é extenso e diverso, com paisagens que variam do deserto árido do Atacama às geleiras da Patagônia. É possível encontrar passeios para todos os gostos no Chile, desde caminhadas e rafting até degustação de vinhos e observação de estrelas.
 
A escolha da cidade para se hospedar depende do tipo de passeio buscado. Santiago, capital do Chile, é uma cidade vibrante e cosmopolita com muito a oferecer aos visitantes, que podem encontrar museus, restaurantes deliciosos, vinícolas e uma vida noturna agitada. Além disso, quem deseja esquiar neste inverno, pode se hospedar em Santiago sem medo. Afinal, a capital fica a 60km do Valle Nevado, destino muito procurado para esse fim.
 
Já Valparaíso é uma cidade portuária, conhecida por suas colinas coloridas, arte de rua e atmosfera boêmia, sendo é um ótimo lugar para relaxar e desfrutar da cultura chilena. Punta Arenas está localizada no extremo sul do Chile, sendo a porta de entrada para a Patagônia chilena. A cidade é um ótimo lugar para fazer caminhadas, andar de caiaque e observar a vida selvagem.
 
Por fim, temos San Pedro de Atacama, a cidade oásis é o ponto de partida para explorar o Deserto do Atacama, um dos lugares mais secos da Terra, onde é possível ver gêiseres, vulcões e salinas.
 
Quanto aos aeroportos para desembarcar no Chile, o principal é o Aeroporto Internacional Arturo Merino Benitez (SCL), que fica em Santiago. Os aeroportos internacionais de El Tepual (PUJ) e de Carlos Ibañez del Campo (CNI) ficam em Puerto Montt e Punta Arenas, respectivamente, e ambos atendem à região da Patagônia. Enquanto o aeroporto Internacional de Antofagasta (ANF) está localizado na cidade de mesmo nome e atende à região do Deserto do Atacama.
 
Vale lembrar que a moeda do Chile é o peso chileno, mas muitos locais turísticos também aceitam o dólar americano. Por isso, é importante acompanhar a cotação dessas moedas e se programar para realizar a compra, seja de forma física em uma casa de câmbio ou em uma conta global para facilitar as compras no destino.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp