06/03/2020 às 10h38min - Atualizada em 06/03/2020 às 10h40min

Mortes por chuva na Baixada Santista sobem para 29; 41 estão desaparecidos

Em mais um duro editorial, o jornal da família Marinho, aponta a tragédia que é Bolsonaro.

Pelo quarto dia, os bombeiros trabalham nas buscas por desaparecidos da chuva que deixaram um rastro de destruição em Santos, São Vicente e Guarujá, no litoral sul de São Paulo. Quarenta e uma pessoas continuam desaparecidas. Vinte e nove pessoas morreram. A informação foi atualizada na manhã de hoje pelos bombeiros.

A cidade mais atingida foi o Guarujá, que concentra o maior número de mortes (24). Na cidade, sete morros foram atingidos, sendo dois com maior gravidade: o da Barreira do João Guarda e o da Bela Vista, conhecido como Macaco Molhado.

Em Santos, há três mortos e cinco desaparecidos. São Vicente registrou duas mortes e tem um desaparecido. Ao todo, 483 pessoas estão desabrigadas: 228 no Guarujá - SP, três em São Vicente - SP, 150 em Santos - SP e 102 em Peruíbe - SP.

A previsão para esta sexta-feira é de chuva moderada a fraca em pontos isolados da Baixada Santista. Como o solo já está encharcado pelo volume de água dos dias anteriores, o risco de novos transtornos e deslizamentos continua elevado.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp