03/03/2020 às 17h46min - Atualizada em 03/03/2020 às 17h47min

Petroleira canadense admite que difundiu adesivos com imagem sexualizada de Greta Thunberg

Petroleira canadense X-Site Energy Service assumiu a autoria da campanha contra a ativista ambiental sueca Greta Thunberg.

A empresa petroleira canadense X-Site Energy Service assumiu nesta terça-feira (3) que é de sua autoria a campanha baseada em um adesivo difamatório contra a ativista ambiental sueca Greta Thunberg.

A imagem mostra um desenho de uma menina de costas com as costas nuas e em posição sexual, enquanto duas mãos a puxam pelas tranças. Para não deixar dúvidas de que a imagem misógina se refere à ativista, o colante também traz o nome de Greta escrito.

O adesivo começou a ser difundido na semana passada, e viralizou rapidamente nas redes sociais. O gerente-geral da X-site, Doug Sparrow, inicialmente negou relação da empresa com o material, mas dias depois acabou admitindo, e a empresa se desculpou através de um comunicado oficial publicado nesta terça-feira.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp