06/02/2020 às 10h55min - Atualizada em 06/02/2020 às 11h10min

Vinicius Torres Freire: “Bolsonaro mistura ignorância e demagogia agressiva”

De acordo com o colunista, “zerar os impostos sobre combustíveis é uma ideia obviamente lunática. Os motivos do desvario são mais obscuros”.

Em sua coluna publicada no jornal Folha de S. Paulo, o jornalista Vinicius Torres Freire afirma que Jair Bolsonaro (Sem Partido) “mais uma vez degradou o debate público com uma mistura de ignorância e demagogia agressiva”. De acordo com o colunista, “zerar os impostos sobre combustíveis é uma ideia obviamente lunática. Os motivos do desvario são mais obscuros”.

“Caso o governo federal e os estados deixassem de cobrar impostos sobre combustíveis, perderiam receita equivalente a 1,6% do PIB, uns R$ 115 bilhões, por aí. É a ordem de grandeza, pois não há dados recentes e detalhados da carga tributária. Os estados perderiam 1,2% do PIB”, acrescentou.

De acordo com o jornalista, “os preços não cairiam, de qualquer modo”. “Apenas a variação extra provocada pelo imposto seria menor. Em vez de ‘zerar’ impostos sobre combustíveis, convém reduzi-los? Não. Primeiro, porque não há dinheiro. Na média, os estados estão ainda mais quebrados do que o governo federal”, afirmou.

“O ICMS sobre combustíveis é cerca de 15% da receita estadual, na média. Segundo, caso houvesse dinheiro, haveria mais o que fazer: obras de infraestrutura física e social, de estrada e corredor de ônibus a hospital. Terceiro, é ainda mais tolo gastar dinheiro escasso em estímulo do uso de combustível fóssil”.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp