31/03/2022 às 12h22min - Atualizada em 31/03/2022 às 12h22min

Moraes manda Silveira colocar tornozeleira às 15h na Polícia Federal

Deputado federal, réu no Supremo por participação em atos antidemocráticos, desobedece há dois dias a ordem de pôr a tornozeleira. Nesta quinta-feira (31), Silveira participou de ato no Planalto, ao lado de ministros.

Redação
O ministro Alexandre de Moraes mandou o deputado federal Daniel Silveira (PSL) colocar a tornozeleira eletrônica nesta quinta-feira (31), às 15h, no prédio da Polícia Federal (PF), em Brasília – DF.
 
Na terça-feira (29), Moraes já havia determinado que Silveira colocasse o equipamento para ser monitorado. Mas o deputado vem se recusando. A ordem de Moraes se baseia em um pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR).
 
Silveira é réu no Supremo em uma ação que investiga participação dele em atos antidemocráticos e ataques às instituições. De acordo com o ministro, ele vem desobedecendo medidas restritivas impostas pelo Justiça, por isso deve usar a tornozeleira.
 
Havia uma expectativa de que o deputado colocasse a tornozeleira na manhã desta quinta, depois que Moraes bloqueou as contas bancárias dele. Moraes também
 
Em vez de colocar a tornozeleira, Silveira foi para o Palácio do Planalto. Lá, foi recebido por ministros e assistiu ao lado deles ao evento que marca a reforma ministerial. O presidente Jair Bolsonaro, de quem Silveira é aliado, também participou da cerimônia.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp