23/03/2022 às 12h00min - Atualizada em 23/03/2022 às 12h00min

Tecnologia para corte de carnes chamou a atenção na Expomeat

Produto colocado em exposição em uma das maiores feiras do Brasil é da Munkfors, marca especializada em cutelaria e que anuncia sua primeira unidade no continente americano.

Redação
Foto: Soma/Divulgação
Cerca de 8 mil visitantes estiveram na III Feira Internacional da Indústria de Processamento de Proteína Animal e Vegetal – EXPOMEAT 2022, realizada em São Paulo - SP. Lá foram apresentadas novidades para o segmento, especialmente do setor tech, vertente fundamental na escalada de um mercado que cresce e que coloca o Brasil em posição de destaque mundialmente. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística-Classificação Nacional de Atividades Econômicas (IBGE-CNAE), o país é o maior exportador mundial de carne de frango e bovina. E, segundo a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec), o Produto Interno Bruto (PIB) da Pecuária passou de 8,4% para 10%, na comparação entre 2020 e 2021, evidenciando a força do setor na economia brasileira.

Duzentas marcas estiveram no pavilhão de exposições do Anhembi. Alguns lançamentos chamaram a atenção dos visitantes, como os produtos da empresa SKG, especialista em materiais de corte para frigoríficos. A empresa levou ao evento tesouras e ganchos, chairas, luvas anticorte, além da linha de facas Tramontina. Também, apresentou soluções de ponta, como as máquinas de afiação de lâminas, uma proposta desenvolvida com parceiros da Datec, empresa com expertise na construção de máquinas e projetos de automação. “Know-how utilizado para o desenvolvimento de máquinas de afiação de facas, completando o trabalho da SKG”, destacou o gerente de operações na SKG, Wagner Huber.


Aproveitando o nicho da EXPOMEAT e sua visibilidade, a SKG anunciou no evento a recente parceria firmada com a Munkfors, empresa sueca que figura entre as líderes mundiais no segmento. Trata-se da primeira unidade da marca no continente americano, que fabricará e distribuirá produtos de alta performance e que vão exatamente ao encontro da produção nacional. A Munkfors vai se instalar em Valinhos/SP e deverá atender toda a América Latina em um segundo momento. “Com a Munkfors, nossas soluções ficarão ainda mais diversificadas”, afirmou Huber.


Potência
“Normalmente, uma serra fita corta até 500 peças. Com a Munkfors, há um salto significativo na capacidade em decorrência de que as lâminas são de um aço de alta durabilidade e o processo de corte e solda é diferenciado. Isso evita desperdício de tempo com trocas de lâminas e gera economia ao frigorífico, com menos gasto de material para cada animal abatido”, explicou Huber, ressaltando o potencial de até mil cortes de carcaça diários realizados com a serra fita sueca.


Nacionalmente, as peças serão customizadas conforme o pedido dos clientes, respeitando as necessidades e os interesses de cada um. "A vinda da Munkfors já era esperada em 2020, mas, por conta da pandemia da Covid-19, o projeto precisou dar uma pausa. Agora, vem com força total".  
 
Outras informações
https://www.skg.ind.br  
https://www.munkfors.com
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp