05/03/2022 às 10h26min - Atualizada em 05/03/2022 às 10h26min

Alerta a brasileiros na Ucrânia foi vetado por visita de Bolsonaro a Putin

Para não prejudicar ida de Jair Bolsonaro (PL) à Rússia, Planalto vetou alerta de evacuação a brasileiros que vivem na Ucrânia.

Redação
Antes da viagem de Jair Bolsonaro (PL) ao presidente russo Vladimir Putin ocorrer, o Palácio do Planalto vetou a emissão de alerta para que brasileiros que vivem na Ucrânia deixassem o país.
 
O setor consular do Itamaraty teria preparado um aviso aos brasileiros no exterior, após a avaliação de instabilidade política na região. A avaliação foi realizada pela área técnica do Ministério das Relações Exteriores.
 
Segundo informações da coluna de Jamil Chade, no Portal UOL, a lógica era de que, se a embaixada do Brasil em Kiev montasse um plano e informasse os brasileiros que viviam na Ucrânia, a notícia chegaria à imprensa e sinalizaria que o Brasil considerava que uma guerra seria possível. Com isso, a reunião entre Bolsonaro e Putin ficaria estremecida.
 
Desde o início do conflito, brasileiros reclamam da falta de assistência por parte do Itamaraty.
 
O governo federal anunciou nesta semana que enviará uma missão de ajuda a brasileiros que fugiram da Ucrânia e estão na Polônia. A missão de resgate deve ocorrer nos próximos dias.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
;
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp