52 visualizações

Trio é preso por suspeita de sequestrar e torturar rapaz em Jundiaí

Três homens foram presos em flagrante por suspeita de terem participado do sequestro e tortura de um rapaz, de 30 anos, na noite do sábado (30), em uma casa na Estrada Municipal do Varjão, em Jundiaí – SP.

 

De acordo com o boletim de ocorrência, o grupo admitiu fazer parte da organização criminosa que atua dentro e fora dos presídios do Estado de São Paulo, e disse ter cometido o crime para conseguir uma confissão do rapaz, que teria estuprado a enteada de um deles.

 

A Polícia Militar (PM) chegou ao local onde a vítima era mantida em cativeiro, no bairro Novo Horizonte, após uma denúncia anônima, por volta das 22h30.

 

Os policiais prenderam os três suspeitos, de 29, 33 e 40 anos, em frente à casa e, assim que entraram no local, encontraram a vítima amarrada e outras quatro pessoas, que conseguiram fugir.

 

Ainda segundo o boletim de ocorrência, o rapaz que foi sequestrado mora em Campo Limpo Paulista – SP e estava de carro com um amigo quando foi abordado por três homens.

 

Antes de chegar ao cativeiro, ele passou por um ponto de venda de drogas, onde foi transferido para outro veículo. Já na casa, além de amarrado, ele disse ter sido agredido e ameaçado de morte.

 

A vítima também contou aos policiais que, durante o sequestro, os suspeitos ligaram várias vezes para um homem chamado de “patrão” e que também dizia ser membro da organização criminosa.

 

Os três homens foram levados para o Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista. A polícia ainda procura outro suspeito, que também teria participado do crime.

Três homens foram presos em flagrante por suspeita de terem participado do sequestro e tortura de um rapaz, de 30 anos, na noite do sábado (30), em uma casa na Estrada Municipal do Varjão, em Jundiaí – SP.

 

De acordo com o boletim de ocorrência, o grupo admitiu fazer parte da organização criminosa que atua dentro e fora dos presídios do Estado de São Paulo, e disse ter cometido o crime para conseguir uma confissão do rapaz, que teria estuprado a enteada de um deles.

 

A Polícia Militar (PM) chegou ao local onde a vítima era mantida em cativeiro, no bairro Novo Horizonte, após uma denúncia anônima, por volta das 22h30.

 

Os policiais prenderam os três suspeitos, de 29, 33 e 40 anos, em frente à casa e, assim que entraram no local, encontraram a vítima amarrada e outras quatro pessoas, que conseguiram fugir.

 

Ainda segundo o boletim de ocorrência, o rapaz que foi sequestrado mora em Campo Limpo Paulista – SP e estava de carro com um amigo quando foi abordado por três homens.

 

Antes de chegar ao cativeiro, ele passou por um ponto de venda de drogas, onde foi transferido para outro veículo. Já na casa, além de amarrado, ele disse ter sido agredido e ameaçado de morte.

 

A vítima também contou aos policiais que, durante o sequestro, os suspeitos ligaram várias vezes para um homem chamado de “patrão” e que também dizia ser membro da organização criminosa.

 

Os três homens foram levados para o Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista. A polícia ainda procura outro suspeito, que também teria participado do crime.

Posts Recentes: Popular Mais

Sobe para 18 os mortos em acidente com ônibus que levava universitários em SP

Subiu para 18 o número de mortos em um grave acidente com um ônibus da Companhia União Litoral, que capotou na noite de quarta-feira (8) na Rodovia Mogi-Bertioga. Havia pelo menos 46 pessoas a bordo. Segundo informações dos bombeiros e da Polícia Civil, o motorista está entre os mortos e 31 pessoas ficaram feridas.   […]

Guilherme Campos (PSD) é nomeado presidente dos Correios

O presidente Michel Temer (PMDB) nomeou Guilherme Campos Júnior (PSD) para exercer o cargo de presidente da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), conforme decreto publicado no Diário Oficial da União (DOU) da quinta-feira (9). Campos substituirá Giovanni Correa Queiroz, que foi exonerado ainda por Dilma Rousseff, em maio, na semana de seu afastamento […]