37 visualizações

Kassab recebeu R$ 21 milhões da Odebrecht como caixa 2, diz MPE

O ministro da Ciência e Tecnologia e ex-prefeito de São Paulo – SP, Gilberto Kassab, teria recebido R$ 21 milhões da Odebrecht como caixa 2. As irregularidades teriam sido cometidas de 2008 a 2012, na gestão do político.

 

A denúncia foi feita pela empreiteira no âmbito do Termo de Autocomposição firmado com o Ministério Público Estadual (MPE). O acordo ainda precisa ser homologado pelo Judiciário.

 

As informações levaram o MPE a ajuizar na terça-feira (19) 4 ações por improbidade administrativa contra Kassab. O político foi prefeito de São Paulo de março de 2006 até o fim de 2012.

 

Também foram ajuizadas ações contra outras 5 pessoas e envolvem 2 ex-secretários de Kassab: Orlando de Almeida Filho (Habitação) e Elton Santa Fé (Controle Urbano), além do ex-vereador Francisco Chagas.

 

Os promotores de Justiça do Patrimônio Público pediram à Vara da Fazenda Pública para bloquear, liminarmente, cerca de R$ 85 milhões do ministro. O montante representa a quantia recebida pelo político, somada a multa de 3 vezes esse valor.

O ministro da Ciência e Tecnologia e ex-prefeito de São Paulo – SP, Gilberto Kassab, teria recebido R$ 21 milhões da Odebrecht como caixa 2. As irregularidades teriam sido cometidas de 2008 a 2012, na gestão do político.

 

A denúncia foi feita pela empreiteira no âmbito do Termo de Autocomposição firmado com o Ministério Público Estadual (MPE). O acordo ainda precisa ser homologado pelo Judiciário.

 

As informações levaram o MPE a ajuizar na terça-feira (19) 4 ações por improbidade administrativa contra Kassab. O político foi prefeito de São Paulo de março de 2006 até o fim de 2012.

 

Também foram ajuizadas ações contra outras 5 pessoas e envolvem 2 ex-secretários de Kassab: Orlando de Almeida Filho (Habitação) e Elton Santa Fé (Controle Urbano), além do ex-vereador Francisco Chagas.

 

Os promotores de Justiça do Patrimônio Público pediram à Vara da Fazenda Pública para bloquear, liminarmente, cerca de R$ 85 milhões do ministro. O montante representa a quantia recebida pelo político, somada a multa de 3 vezes esse valor.

Posts Recentes: Popular Mais

Sobe para 18 os mortos em acidente com ônibus que levava universitários em SP

Subiu para 18 o número de mortos em um grave acidente com um ônibus da Companhia União Litoral, que capotou na noite de quarta-feira (8) na Rodovia Mogi-Bertioga. Havia pelo menos 46 pessoas a bordo. Segundo informações dos bombeiros e da Polícia Civil, o motorista está entre os mortos e 31 pessoas ficaram feridas.   […]

Guilherme Campos (PSD) é nomeado presidente dos Correios

O presidente Michel Temer (PMDB) nomeou Guilherme Campos Júnior (PSD) para exercer o cargo de presidente da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), conforme decreto publicado no Diário Oficial da União (DOU) da quinta-feira (9). Campos substituirá Giovanni Correa Queiroz, que foi exonerado ainda por Dilma Rousseff, em maio, na semana de seu afastamento […]