Estações de Várzea Paulista e Jundiaí param no domingo (11), em razão de obra do viaduto

Um encontro na Unidade Gestora de Obras de Várzea Paulista – SP, na tarde da última quarta-feira (7), oficializou que o tráfego de trens entre as Estações de Campo Limpo Paulista – SP e Jundiaí – SP será interrompido, no domingo (11), das 4 às 20 horas. Representantes técnicos da Prefeitura e da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) tomaram a decisão, em razão dos trabalhos de içamento de vigas e pré-lajes do Viaduto da Ponte Seca.

 

Ficou definido que haverá ônibus gratuitos para quem estiver no trem e desembarcar na Estação de Campo Limpo Paulista, com destino a Várzea Paulista ou Jundiaí. Quem estiver nas outras duas cidades e quiser se dirigir a Campo Limpo Paulista ou Jundiaí também contará com o transporte gratuito até elas. Os pontos de embarque e desembarque serão as próprias Estações.

 

Das 4 às 7 horas, haverá três ônibus por hora, entre Campo Limpo Paulista e Jundiaí; das 7 às 14 horas, seis ônibus por hora; e das 14 às 20 horas, nove ônibus por hora. Todos eles passarão pela Estação de Várzea Paulista.

 

A construção consiste em uma passagem superior à linha férrea, para ligar o bairro Ponte Seca à Avenida Duque de Caxias, no trecho próximo ao Jardim Promeca. A via alternativa permitirá acessar bairros das Zonas Norte e Leste do município e desafogar o Viaduto dos Emancipadores, sobrecarregado em certos horários.

 

A obra é fruto de um convênio com a Casa Civil do Governo do Estado de São Paulo (antiga Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Regional).

 

Após essa primeira etapa, a ser inaugurada em breve e que atenderá à região do Jardim Promeca e Campo Limpo Paulista, a Prefeitura dará início à segunda etapa do Complexo Viário da Ponte Seca, com uma ponte sobre o Rio Jundiaí, 500 metros após a alça de descida para a Marginal do Rio Jundiaí. Por ela, os motoristas poderão acessar o outro lado da Avenida (sentido Jundiaí).

Um encontro na Unidade Gestora de Obras de Várzea Paulista – SP, na tarde da última quarta-feira (7), oficializou que o tráfego de trens entre as Estações de Campo Limpo Paulista – SP e Jundiaí – SP será interrompido, no domingo (11), das 4 às 20 horas. Representantes técnicos da Prefeitura e da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) tomaram a decisão, em razão dos trabalhos de içamento de vigas e pré-lajes do Viaduto da Ponte Seca.

 

Ficou definido que haverá ônibus gratuitos para quem estiver no trem e desembarcar na Estação de Campo Limpo Paulista, com destino a Várzea Paulista ou Jundiaí. Quem estiver nas outras duas cidades e quiser se dirigir a Campo Limpo Paulista ou Jundiaí também contará com o transporte gratuito até elas. Os pontos de embarque e desembarque serão as próprias Estações.

 

Das 4 às 7 horas, haverá três ônibus por hora, entre Campo Limpo Paulista e Jundiaí; das 7 às 14 horas, seis ônibus por hora; e das 14 às 20 horas, nove ônibus por hora. Todos eles passarão pela Estação de Várzea Paulista.

 

A construção consiste em uma passagem superior à linha férrea, para ligar o bairro Ponte Seca à Avenida Duque de Caxias, no trecho próximo ao Jardim Promeca. A via alternativa permitirá acessar bairros das Zonas Norte e Leste do município e desafogar o Viaduto dos Emancipadores, sobrecarregado em certos horários.

 

A obra é fruto de um convênio com a Casa Civil do Governo do Estado de São Paulo (antiga Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Regional).

 

Após essa primeira etapa, a ser inaugurada em breve e que atenderá à região do Jardim Promeca e Campo Limpo Paulista, a Prefeitura dará início à segunda etapa do Complexo Viário da Ponte Seca, com uma ponte sobre o Rio Jundiaí, 500 metros após a alça de descida para a Marginal do Rio Jundiaí. Por ela, os motoristas poderão acessar o outro lado da Avenida (sentido Jundiaí).

Posts Recentes: Popular Mais

Sobe para 18 os mortos em acidente com ônibus que levava universitários em SP

Subiu para 18 o número de mortos em um grave acidente com um ônibus da Companhia União Litoral, que capotou na noite de quarta-feira (8) na Rodovia Mogi-Bertioga. Havia pelo menos 46 pessoas a bordo. Segundo informações dos bombeiros e da Polícia Civil, o motorista está entre os mortos e 31 pessoas ficaram feridas.   […]

Guilherme Campos (PSD) é nomeado presidente dos Correios

O presidente Michel Temer (PMDB) nomeou Guilherme Campos Júnior (PSD) para exercer o cargo de presidente da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), conforme decreto publicado no Diário Oficial da União (DOU) da quinta-feira (9). Campos substituirá Giovanni Correa Queiroz, que foi exonerado ainda por Dilma Rousseff, em maio, na semana de seu afastamento […]