Enem 2017 começa no domingo com 6,7 milhões de inscritos

Mais de 6,7 milhões de brasileiros estão inscritos para participar da edição deste ano do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Em 2017, a prova estreia em novo formato, com aplicação dividida em dois domingos consecutivos, nos dias 5 e 12 de novembro. Ao todo, 1.725 municípios brasileiros receberão o exame.

 

Neste ano, a redação passará a ser aplicada no primeiro dia do exame, no domingo (5) juntamente com as provas de Linguagens, Códigos e sua Tecnologia e Ciências Humanas e suas Tecnologias, com duração máxima de 5 horas e 30 minutos. No domingo (12), será a vez dos participantes responderem a questões de Ciência da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias, com duração máxima de 4 horas e 30 minutos.

 

Pela primeira vez, a prova será personalizada com o nome e o número de inscrição do participante. O local e o endereço da prova podem ser consultados pelo aplicativo do Enem e pelo site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Os participantes que precisarem de atestado de comparecimento deverão imprimir a declaração no site do exame e colher a assinatura do coordenador do local.

 

Como em edições anteriores, a programação do exame é regulada conforme o horário de Brasília – DF. O Inep alerta para os participantes ficarem alertas ao fuso dos Estados em que prestarão o exame. Confira:

Abertura dos portões: 12h

Fechamento dos portões: 13h

Início das provas: 13h30

Permissão de saída: a partir das 15h30

Término da prova do dia 5/11: 19h

Término da prova do dia 12/11: 18h

 

Documentação

É obrigatória a apresentação de um documento oficial com foto, que pode ser carteira de identidade, passaporte, carteira de motorista, carteira de trabalho ou carteira de reservista; não serão aceitas cópias autenticadas. Caso o candidato tenha a documentação furtada ou roubada antes da prova, poderá apresentar um boletim de ocorrência registrado em até 90 dias.

 

Material

Os únicos tipos de canetas permitidas são as de corpo transparente e tinta preta.

 

Eliminação

O edital prevê a eliminação de candidatos que portarem alguns dos seguintes materiais durante a aplicação do exame. No local de prova, os objetos proibidos devem ser guardados em um envelope porta-objeto, que poderá ficar embaixo da cadeira do participante. É vedado o uso de:

 

– caneta não transparente, lápis, borracha e lapiseira

– boné, chapéu, gorro e outros acessórios de chapelaria

– celular, tablet, pen drive, calculadora e outros tipos de equipamentos eletrônicos

– fone de ouvido

– óculos escuros

 

Redação

Ela será aplicada neste domingo, dia 5 de novembro. Confira abaixo as indicações do Inep para não zerar a prova:

 

– não fuja do tema proposto

 

– respeite os direitos humanos (o ministro da Educação, José Mendonça Bezerra Filho, reiterou a regra, que é alvo de contestação na Justiça)

 

– escrever menos de oito linhas

 

– fazer desenhos

 

– utilizar uma estrutura de texto diferente do tipo dissertativo-argumentativo.

Mais de 6,7 milhões de brasileiros estão inscritos para participar da edição deste ano do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Em 2017, a prova estreia em novo formato, com aplicação dividida em dois domingos consecutivos, nos dias 5 e 12 de novembro. Ao todo, 1.725 municípios brasileiros receberão o exame.

 

Neste ano, a redação passará a ser aplicada no primeiro dia do exame, no domingo (5) juntamente com as provas de Linguagens, Códigos e sua Tecnologia e Ciências Humanas e suas Tecnologias, com duração máxima de 5 horas e 30 minutos. No domingo (12), será a vez dos participantes responderem a questões de Ciência da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias, com duração máxima de 4 horas e 30 minutos.

 

Pela primeira vez, a prova será personalizada com o nome e o número de inscrição do participante. O local e o endereço da prova podem ser consultados pelo aplicativo do Enem e pelo site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Os participantes que precisarem de atestado de comparecimento deverão imprimir a declaração no site do exame e colher a assinatura do coordenador do local.

 

Como em edições anteriores, a programação do exame é regulada conforme o horário de Brasília – DF. O Inep alerta para os participantes ficarem alertas ao fuso dos Estados em que prestarão o exame. Confira:

Abertura dos portões: 12h

Fechamento dos portões: 13h

Início das provas: 13h30

Permissão de saída: a partir das 15h30

Término da prova do dia 5/11: 19h

Término da prova do dia 12/11: 18h

 

Documentação

É obrigatória a apresentação de um documento oficial com foto, que pode ser carteira de identidade, passaporte, carteira de motorista, carteira de trabalho ou carteira de reservista; não serão aceitas cópias autenticadas. Caso o candidato tenha a documentação furtada ou roubada antes da prova, poderá apresentar um boletim de ocorrência registrado em até 90 dias.

 

Material

Os únicos tipos de canetas permitidas são as de corpo transparente e tinta preta.

 

Eliminação

O edital prevê a eliminação de candidatos que portarem alguns dos seguintes materiais durante a aplicação do exame. No local de prova, os objetos proibidos devem ser guardados em um envelope porta-objeto, que poderá ficar embaixo da cadeira do participante. É vedado o uso de:

 

– caneta não transparente, lápis, borracha e lapiseira

– boné, chapéu, gorro e outros acessórios de chapelaria

– celular, tablet, pen drive, calculadora e outros tipos de equipamentos eletrônicos

– fone de ouvido

– óculos escuros

 

Redação

Ela será aplicada neste domingo, dia 5 de novembro. Confira abaixo as indicações do Inep para não zerar a prova:

 

– não fuja do tema proposto

 

– respeite os direitos humanos (o ministro da Educação, José Mendonça Bezerra Filho, reiterou a regra, que é alvo de contestação na Justiça)

 

– escrever menos de oito linhas

 

– fazer desenhos

 

– utilizar uma estrutura de texto diferente do tipo dissertativo-argumentativo.

Posts Recentes: Popular Mais

Sobe para 18 os mortos em acidente com ônibus que levava universitários em SP

Subiu para 18 o número de mortos em um grave acidente com um ônibus da Companhia União Litoral, que capotou na noite de quarta-feira (8) na Rodovia Mogi-Bertioga. Havia pelo menos 46 pessoas a bordo. Segundo informações dos bombeiros e da Polícia Civil, o motorista está entre os mortos e 31 pessoas ficaram feridas.   […]

Guilherme Campos (PSD) é nomeado presidente dos Correios

O presidente Michel Temer (PMDB) nomeou Guilherme Campos Júnior (PSD) para exercer o cargo de presidente da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), conforme decreto publicado no Diário Oficial da União (DOU) da quinta-feira (9). Campos substituirá Giovanni Correa Queiroz, que foi exonerado ainda por Dilma Rousseff, em maio, na semana de seu afastamento […]