Corrida presidencial: duas dezenas de candidatos?

Ainda há muita coisa para acontecer até a data-limite do registro de candidaturas no TSE, em 15 de agosto.

 

Por enquanto, sem alianças e definições, há quase duas dezenas de candidatos ao Palácio do Planalto em 2018, entre confirmados e possíveis.

 

Vejam a lista dos nomes:

  • Podemos – Álvaro Fernandes Dias.
  • Partido Democrático Trabalhista (PDT) – Ciro Ferreira Gomes.
  • Partido Social Democrático Cristão (PSDC) – José Maria Eymael.
  • Partido Trabalhista Cristão (PTC) – Fernando Affonso Collor de Mello.
  • Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) – Geraldo José Rodrigues Alckmin Filho ou Arthur Virgílio do Carmo Ribeiro Neto.
  • Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) – Guilherme Castro Boulos.
  • Partido Social Democrático (PSD) – Henrique de Campos Meirelles.
  • Partido Social Liberal (PSL) – Jair Messias Bolsonaro.
  • Partido Socialista Brasileiro (PSB) – Joaquim Benedito Barbosa Gomes, José Aldo Rebelo Figueiredo ou Luiz Roberto de Albuquerque.
  • Novo – João Dionísio Filgueira Barreto Amoêdo.
  • Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB) – José Levy Fidelix da Cruz.
  • Partido Popular Socialista (PPS) – Luciano Grostein Huck.
  • Partido Comunista do Brasil (PCdoB) – Manuela Pinto Vieira d’Ávila.
  • Rede Sustentabilidade (REDE) – Maria Osmarina Marina Silva Vaz de Lima.
  • Partido Social Cristão (PSC) – Paulo Rabello de Castro.
  • Democratas (DEM) – Rodrigo Felinto Ibarra Epitácio Maia.
  • Partido da Mobilização Nacional (PMN) – Valéria Monteiro.
  • Partido dos Trabalhadores (PT) – deverá lançar algum candidato.
  • O presidente do Patriota, Adilson Barroso Oliveira, diz que a legenda terá candidato próprio.
  • Romero Jucá Filho, presidente do Movimento Democrático Brasileiro (MDB), não descartou a possibilidade de o partido também ter um nome.
  • Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado (PSTU) – José Maria de Almeida.
  • Partido da Causa Operária (PCO) – Rui Costa Pimenta.

 

Em 1989, foram 22 candidatos à Presidência.

 

Fonte: Site O Antagonista.

Ainda há muita coisa para acontecer até a data-limite do registro de candidaturas no TSE, em 15 de agosto.

 

Por enquanto, sem alianças e definições, há quase duas dezenas de candidatos ao Palácio do Planalto em 2018, entre confirmados e possíveis.

 

Vejam a lista dos nomes:

  • Podemos – Álvaro Fernandes Dias.
  • Partido Democrático Trabalhista (PDT) – Ciro Ferreira Gomes.
  • Partido Social Democrático Cristão (PSDC) – José Maria Eymael.
  • Partido Trabalhista Cristão (PTC) – Fernando Affonso Collor de Mello.
  • Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) – Geraldo José Rodrigues Alckmin Filho ou Arthur Virgílio do Carmo Ribeiro Neto.
  • Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) – Guilherme Castro Boulos.
  • Partido Social Democrático (PSD) – Henrique de Campos Meirelles.
  • Partido Social Liberal (PSL) – Jair Messias Bolsonaro.
  • Partido Socialista Brasileiro (PSB) – Joaquim Benedito Barbosa Gomes, José Aldo Rebelo Figueiredo ou Luiz Roberto de Albuquerque.
  • Novo – João Dionísio Filgueira Barreto Amoêdo.
  • Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB) – José Levy Fidelix da Cruz.
  • Partido Popular Socialista (PPS) – Luciano Grostein Huck.
  • Partido Comunista do Brasil (PCdoB) – Manuela Pinto Vieira d’Ávila.
  • Rede Sustentabilidade (REDE) – Maria Osmarina Marina Silva Vaz de Lima.
  • Partido Social Cristão (PSC) – Paulo Rabello de Castro.
  • Democratas (DEM) – Rodrigo Felinto Ibarra Epitácio Maia.
  • Partido da Mobilização Nacional (PMN) – Valéria Monteiro.
  • Partido dos Trabalhadores (PT) – deverá lançar algum candidato.
  • O presidente do Patriota, Adilson Barroso Oliveira, diz que a legenda terá candidato próprio.
  • Romero Jucá Filho, presidente do Movimento Democrático Brasileiro (MDB), não descartou a possibilidade de o partido também ter um nome.
  • Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado (PSTU) – José Maria de Almeida.
  • Partido da Causa Operária (PCO) – Rui Costa Pimenta.

 

Em 1989, foram 22 candidatos à Presidência.

 

Fonte: Site O Antagonista.

Posts Recentes: Popular Mais

Sobe para 18 os mortos em acidente com ônibus que levava universitários em SP

Subiu para 18 o número de mortos em um grave acidente com um ônibus da Companhia União Litoral, que capotou na noite de quarta-feira (8) na Rodovia Mogi-Bertioga. Havia pelo menos 46 pessoas a bordo. Segundo informações dos bombeiros e da Polícia Civil, o motorista está entre os mortos e 31 pessoas ficaram feridas.   […]

Guilherme Campos (PSD) é nomeado presidente dos Correios

O presidente Michel Temer (PMDB) nomeou Guilherme Campos Júnior (PSD) para exercer o cargo de presidente da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), conforme decreto publicado no Diário Oficial da União (DOU) da quinta-feira (9). Campos substituirá Giovanni Correa Queiroz, que foi exonerado ainda por Dilma Rousseff, em maio, na semana de seu afastamento […]