46 visualizações

Alckmin inaugura Complexo Jundiaí e faixa adicional da Rodovia dos Bandeirantes

Entrega das novas alças de acesso à Rodovia Anhanguera traz ganhos de segurança viária e mobilidade para a região da Rodoviária e da Avenida 9 de Julho, com novos viadutos, ciclovia e calçada para pedestres.

 

O governador Geraldo José Rodrigues Alckmin Filho, Geraldo Alckmin (PSDB) entregou na quarta-feira (15) a primeira fase do Complexo Jundiaí, uma das obras rodoviárias mais esperadas na região, especialmente por quem utiliza os ônibus que partem da rodoviária rumo à capital pela Rodovia Anhanguera (SP-330). A obra melhora a fluidez e segurança no trecho da rodovia por onde passam 40 mil veículos todos os dias.

 

“Nós estamos entregando uma obra que vai melhorar muito a qualidade de vida aqui de Jundiaí e do aglomerado urbano, que vai melhorar a mobilidade. São dois viadutos novos sobre a Anhanguera, mais as alças de acesso, ciclovia, passeio e calçadas”, comentou o governador.

 

A partir da zero hora da quinta-feira (16) as pistas já estarão liberadas sem restrições para o tráfego de veículos, assim como a ciclovia e a calçada para pedestres instaladas no complexo que recebeu iluminação de led.

 

As novas alças de acesso ligam a Avenida 9 de Julho a dois novos viadutos que transpõem a rodovia e garantem à população da zona oeste do município um acesso mais rápido à região central de Jundiaí. Além disso, os ônibus que saem da rodoviária passam a contar com acesso direto para a pista sentido São Paulo – SP da Rodovia Anhanguera, melhorando a mobilidade com ganho no tempo de viagem. Também foram feitas melhorias nas marginais de Jundiaí e nos pontos de ônibus do trecho. As intervenções dessa fase estão no trecho da rodoviária, entre o km 55,9 e o km 61 da Anhanguera. Os investimentos nas obras somam R$ 107,5 milhões. As obras, iniciadas em abril do ano passado, foram executadas pela concessionária CCR Autoban, com acompanhamento e fiscalização da Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) e geraram 500 empregos.

 

Até julho de 2018, serão concluídas as obras do Viaduto das Valquírias, no km 58,9 da Anhanguera. A obra fará a interligação das Avenidas Osmundo dos Santos Pellegrini e Jacyro Martinasso, criando uma importante ligação entre bairros como Medeiros, Eloy Chaves e Fazenda Grande e o Centro da cidade, retirando esse tráfego da rodovia e, principalmente do trevo do km 58.

 

Também serão realizadas intervenções para melhoria e ordenação das marginais da Anhanguera do km 58,4 ao km 60,2. Ao todo, estão sendo investidos R$ 230 milhões nessas duas fases do Complexo Jundiaí, que beneficiam os 410 mil habitantes do município, além dos próprios usuários da Anhanguera, com ganhos de segurança e fluidez.

 

A agenda do Governador em Jundiaí também contemplou a inauguração de mais um segmento de 4ª faixa da Rodovia dos Bandeirantes (SP-348). Os investimentos somam R$ 9,9 milhões nas obras que geraram 200 empregos. A nova faixa foi liberada entre o km 57,55 e o km 60,1 na pista sul, sentido capital. As obras que seguem em andamento na mesma pista, entre o km 57,55 e o km 55,7, têm previsão de conclusão para março de 2018, com investimentos que somam R$ 6,2 milhões.

 

As rodovias do Sistema Anhanguera-Bandeirantes estão entre as melhores do país em ranking feito pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT), sendo avaliadas como “ótimas” pelo último levantamento técnico do órgão, divulgado esse mês.

Entrega das novas alças de acesso à Rodovia Anhanguera traz ganhos de segurança viária e mobilidade para a região da Rodoviária e da Avenida 9 de Julho, com novos viadutos, ciclovia e calçada para pedestres.

 

O governador Geraldo José Rodrigues Alckmin Filho, Geraldo Alckmin (PSDB) entregou na quarta-feira (15) a primeira fase do Complexo Jundiaí, uma das obras rodoviárias mais esperadas na região, especialmente por quem utiliza os ônibus que partem da rodoviária rumo à capital pela Rodovia Anhanguera (SP-330). A obra melhora a fluidez e segurança no trecho da rodovia por onde passam 40 mil veículos todos os dias.

 

“Nós estamos entregando uma obra que vai melhorar muito a qualidade de vida aqui de Jundiaí e do aglomerado urbano, que vai melhorar a mobilidade. São dois viadutos novos sobre a Anhanguera, mais as alças de acesso, ciclovia, passeio e calçadas”, comentou o governador.

 

A partir da zero hora da quinta-feira (16) as pistas já estarão liberadas sem restrições para o tráfego de veículos, assim como a ciclovia e a calçada para pedestres instaladas no complexo que recebeu iluminação de led.

 

As novas alças de acesso ligam a Avenida 9 de Julho a dois novos viadutos que transpõem a rodovia e garantem à população da zona oeste do município um acesso mais rápido à região central de Jundiaí. Além disso, os ônibus que saem da rodoviária passam a contar com acesso direto para a pista sentido São Paulo – SP da Rodovia Anhanguera, melhorando a mobilidade com ganho no tempo de viagem. Também foram feitas melhorias nas marginais de Jundiaí e nos pontos de ônibus do trecho. As intervenções dessa fase estão no trecho da rodoviária, entre o km 55,9 e o km 61 da Anhanguera. Os investimentos nas obras somam R$ 107,5 milhões. As obras, iniciadas em abril do ano passado, foram executadas pela concessionária CCR Autoban, com acompanhamento e fiscalização da Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) e geraram 500 empregos.

 

Até julho de 2018, serão concluídas as obras do Viaduto das Valquírias, no km 58,9 da Anhanguera. A obra fará a interligação das Avenidas Osmundo dos Santos Pellegrini e Jacyro Martinasso, criando uma importante ligação entre bairros como Medeiros, Eloy Chaves e Fazenda Grande e o Centro da cidade, retirando esse tráfego da rodovia e, principalmente do trevo do km 58.

 

Também serão realizadas intervenções para melhoria e ordenação das marginais da Anhanguera do km 58,4 ao km 60,2. Ao todo, estão sendo investidos R$ 230 milhões nessas duas fases do Complexo Jundiaí, que beneficiam os 410 mil habitantes do município, além dos próprios usuários da Anhanguera, com ganhos de segurança e fluidez.

 

A agenda do Governador em Jundiaí também contemplou a inauguração de mais um segmento de 4ª faixa da Rodovia dos Bandeirantes (SP-348). Os investimentos somam R$ 9,9 milhões nas obras que geraram 200 empregos. A nova faixa foi liberada entre o km 57,55 e o km 60,1 na pista sul, sentido capital. As obras que seguem em andamento na mesma pista, entre o km 57,55 e o km 55,7, têm previsão de conclusão para março de 2018, com investimentos que somam R$ 6,2 milhões.

 

As rodovias do Sistema Anhanguera-Bandeirantes estão entre as melhores do país em ranking feito pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT), sendo avaliadas como “ótimas” pelo último levantamento técnico do órgão, divulgado esse mês.

Posts Recentes: Popular Mais

Sobe para 18 os mortos em acidente com ônibus que levava universitários em SP

Subiu para 18 o número de mortos em um grave acidente com um ônibus da Companhia União Litoral, que capotou na noite de quarta-feira (8) na Rodovia Mogi-Bertioga. Havia pelo menos 46 pessoas a bordo. Segundo informações dos bombeiros e da Polícia Civil, o motorista está entre os mortos e 31 pessoas ficaram feridas.   […]

Guilherme Campos (PSD) é nomeado presidente dos Correios

O presidente Michel Temer (PMDB) nomeou Guilherme Campos Júnior (PSD) para exercer o cargo de presidente da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), conforme decreto publicado no Diário Oficial da União (DOU) da quinta-feira (9). Campos substituirá Giovanni Correa Queiroz, que foi exonerado ainda por Dilma Rousseff, em maio, na semana de seu afastamento […]